fbpx
Pular para o conteúdo

A arte final não inclui a marca d’água do PetPosts.

Post 256

R$5,50

Este conteúdo faz parte do site PetPosts. A cópia e uso (total ou parcial) sem a respectiva compra constitui USO INDEVIDO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL, passível de punição nos termos da lei, incluindo multa e detenção. Seu IP foi registrado e poderá ser utilizado para fins legais em caso de uso indevido deste conteúdo.
– Este é um post de conteúdo. As cores da imagem e a posição da sua personalização são exatamente as mesmas que você vê nesta amostra.
– A arte é entregue em arquivo de imagem (JPG), 100% pronta (não-editável), sem a marca d’água do PetPosts.
– Os posts não são entregues sem personalização.

Texto com 328 palavras

A pele é o maior órgão do organismo de um cão e, por ser um tecido muito exposto, é muito sujeito a patógenos e a lesões. Por isso, doenças cutâneas são bastante comuns – e podem acometer, inclusive, pets muito bem cuidados.

A sarna, por exemplo, é uma das mais comuns. É causada por ácaros, que provocam coceira intensa e queda de pelos, podendo afetar também os ouvidos e olhos dos cães. Alguns tipos, inclusive, são transmissíveis também para os humanos.

Já as alergias de pele podem ser causadas por alimentos, parasitas, estresse, produtos químicos, xampus, entre outros. Seus principais sintomas são pele avermelhada e inflamações nas pálpebras e na boca, além de coceira e feridas, ressecamento e descamação da pele.

Micoses são provocadas por diferentes tipos de fungos, que também causam coceira, perda de pelos e manchas vermelhas na pele. Podem evoluir rapidamente e o tratamento deve ser seguido à risca, para evitar recidivas, já que alguns fungos são bastante resistentes.

Já as piodermites são infecções bacterianas, que surgem muitas vezes em consequência de micoses ou alergias, quando o animal fica mais vulnerável.

Além dessas doenças, os cachorros também podem desenvolver câncer de pele, que é o segundo tipo mais frequente em cães adultos. A doença está relacionada não só à predisposição genética, mas também à exposição excessiva aos raios solares, sem a devida proteção. Converse com o seu veterinário sobre como evitar este problema no seu melhor amigo.

Sempre que der carinho ou escovar o seu pet, observe atentamente sua pele. Diante de qualquer sintoma, leve-o ao médico-veterinário. Só ele poderá identificar a patologia e indicar o cuidado certo.

Muitas vezes, quando a doença é detectada nos estágios iniciais, pode-se simplesmente fazer uso de xampus dermatológicos, mas, em outros casos, podem ser receitados antifúngicos, anti-inflamatórios e antibióticos.

Seu pet deve receber todo cuidado e atenção que ele precisa e merece. Cuidados preventivos são a melhor forma de assegurar a saúde e o bem-estar do seu amigão!

#sarnacanina #dermatovet #alergiaemcaes #meupetevida #zoonose #medicoveterinario

A pele é o maior órgão do organismo de um cão e, por ser um tecido muito exposto, é muito sujeito a patógenos e a lesões. Por isso, doenças cutâneas são bastante comuns – e podem acometer, inclusive, pets muito bem cuidados.

A sarna, por exemplo, é uma das mais comuns. É causada por ácaros, que provocam coceira intensa e queda de pelos, podendo afetar também os ouvidos e olhos dos cães. Alguns tipos, inclusive, são transmissíveis também para os humanos.

Já as alergias de pele podem ser causadas por alimentos, parasitas, estresse, produtos químicos, xampus, entre outros. Seus principais sintomas são pele avermelhada e inflamações nas pálpebras e na boca, além de coceira e feridas, ressecamento e descamação da pele.

Micoses são provocadas por diferentes tipos de fungos, que também causam coceira, perda de pelos e manchas vermelhas na pele. Podem evoluir rapidamente e o tratamento deve ser seguido à risca, para evitar recidivas, já que alguns fungos são bastante resistentes.

Já as piodermites são infecções bacterianas, que surgem muitas vezes em consequência de micoses ou alergias, quando o animal fica mais vulnerável.

Além dessas doenças, os cachorros também podem desenvolver câncer de pele, que é o segundo tipo mais frequente em cães adultos. A doença está relacionada não só à predisposição genética, mas também à exposição excessiva aos raios solares, sem a devida proteção. Converse com o seu veterinário sobre como evitar este problema no seu melhor amigo.

Sempre que der carinho ou escovar o seu pet, observe atentamente sua pele. Diante de qualquer sintoma, leve-o ao médico-veterinário. Só ele poderá identificar a patologia e indicar o cuidado certo.

Muitas vezes, quando a doença é detectada nos estágios iniciais, pode-se simplesmente fazer uso de xampus dermatológicos, mas, em outros casos, podem ser receitados antifúngicos, anti-inflamatórios e antibióticos.

Seu pet deve receber todo cuidado e atenção que ele precisa e merece. Cuidados preventivos são a melhor forma de assegurar a saúde e o bem-estar do seu amigão!

#sarnacanina #dermatovet #alergiaemcaes #zoonose #medicoveterinario

R$5,50

Conheça também outros posts:

  • Post 075

    Ler texto R$5,50 Comprar
  • Post 227

    Ler texto R$5,50 Comprar
  • Post 074

    Ler texto R$5,50 Comprar
  • Post 228

    Ler texto R$5,50 Comprar

O que vou receber ao fazer uma compra?

Cada um dos posts inclui:

1. Arte com imagem em alta resolução, personalizada com seu nome e seus dados. A arte final não conterá a marca d’água, nem qualquer referência ao PetPosts.

2. Texto/Descrição, com informações confiáveis, de alta qualidade e fácil leitura. Conteúdo profissional, com um toque divertido sensível e inteligente, que vai encantar quem ama pets! Média de 300 palavras por texto. Você poderá editá-los, se desejar.

3. Hashtags relevantes, para você se destacar, mesmo para quem ainda não é seu seguidor. Você também poderá editar suas hashtags, se desejar.

Quando vou receber meus posts personalizados?

Após sua compra e confirmação do pagamento, nossa equipe entrará em contato com você para definir a personalização dos seus posts, em até 1 dia útil. Você poderá adicionar sua logomarca (veja as especificações) ou seu nome, CRMV e telefone. Definida a personalização, ela será aplicada a todos os posts comprados por você.

Você receberá, então, um e-mail com todos os posts personalizados, seus respectivos textos e hashtags. Pronto! Você poderá postar nas redes sociais que desejar. Veja este vídeo, que explica como passo a passo como fazer as postagens.

Lembre-se de postar com a maior frequência possível! Isto gera maior sua visibilidade, aumenta o número de potenciais seguidores e favorece o engajamento deles com seu conteúdo!

//