fbpx
Pular para o conteúdo

A arte final não inclui a marca d’água do PetPosts.

Post 316

R$5,50

Este conteúdo faz parte do site PetPosts. A cópia e uso (total ou parcial) sem a respectiva compra constitui USO INDEVIDO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL, passível de punição nos termos da lei, incluindo multa e detenção. Seu IP foi registrado e poderá ser utilizado para fins legais em caso de uso indevido deste conteúdo.
– Este é um post de conteúdo. As cores da imagem e a posição da sua personalização são exatamente as mesmas que você vê nesta amostra.
– A arte é entregue em arquivo de imagem (JPG), 100% pronta (não-editável), sem a marca d’água do PetPosts.
– Os posts não são entregues sem personalização.

Texto com 288 palavras

A tireoide é uma glândula que se encontra na região da traqueia e é responsável pela secreção de alguns importantes hormônios. Fala-se em hipotiroidismo quando há redução da atividade dessa glândula, o que pode comprometer bastante o bem-estar do seu amigão.

O hipotireodismo é raro em gatos, mas é uma das patologias endócrinas mais comuns nos cães. Não é uma doença contagiosa, nem para outros animais nem para humanos.

Cães de médio ou grande porte são mais predispostos a desenvolver hipoteroidismo, especialmente das raças Golden Retriever, Dobermann, Beagle e Cocker Spaniel. A doença geralmente acomete animais na meia-idade (entre 4 e 10 anos), de forma igual entre machos e fêmeas.

O hipotireoidismo animal pode ser difícil de ser notado, mas seus principais sinais clínicos costumam ser o ganho de peso (sem aumento da ingestão calórica), depressão, letargia e fraqueza, alterações reprodutivas e neurológicas, bradicardia (ritmo cardíaco mais lento) e alterações cutâneas, como feridas, alopecias (queda de pelos) e pele muito seca.

O diagnóstico da doença é feito por meio de exames clínicos e laboratoriais, solicitados pelo médico-veterinário. Entre eles estão as análises sanguíneas, que também ajudam descartar a presença de outras patologias.

Caso seja constatada a doença, o médico-veterinário poderá indicar um tratamento que envolva reposição e regulação hormonal, associada a medicamentos. É provável, inclusive, que seu melhor amigo precise fazer esse tratamento pelo resto da vida.

Não existe prevenção para casos de hipotireoidismo, mas visitas regulares ao seu veterinário facilitam a detecção e o tratamento precoce, com menos impactos à saúde e bem-estar do pet.

Com o seu cuidado e com o tratamento adequado, seu amigão poderá conviver bem com a doença, sem perder qualidade de vida, nem aquela alegria que ele costumava ter!

#hipotireodismocanino #endocrinovet #meupetevida #endocrinologiaveterinaria #amomeupet #cachorrosaudavel

A tireoide é uma glândula que se encontra na região da traqueia e é responsável pela secreção de alguns importantes hormônios. Fala-se em hipotiroidismo quando há redução da atividade dessa glândula, o que pode comprometer bastante o bem-estar do seu amigão.

O hipotireodismo é raro em gatos, mas é uma das patologias endócrinas mais comuns nos cães. Não é uma doença contagiosa, nem para outros animais nem para humanos.

Cães de médio ou grande porte são mais predispostos a desenvolver hipoteroidismo, especialmente das raças Golden Retriever, Dobermann, Beagle e Cocker Spaniel. A doença geralmente acomete animais na meia-idade (entre 4 e 10 anos), de forma igual entre machos e fêmeas.

O hipotireoidismo animal pode ser difícil de ser notado, mas seus principais sinais clínicos costumam ser o ganho de peso (sem aumento da ingestão calórica), depressão, letargia e fraqueza, alterações reprodutivas e neurológicas, bradicardia (ritmo cardíaco mais lento) e alterações cutâneas, como feridas, alopecias (queda de pelos) e pele muito seca.

O diagnóstico da doença é feito por meio de exames clínicos e laboratoriais, solicitados pelo médico-veterinário. Entre eles estão as análises sanguíneas, que também ajudam descartar a presença de outras patologias.

Caso seja constatada a doença, o médico-veterinário poderá indicar um tratamento que envolva reposição e regulação hormonal, associada a medicamentos. É provável, inclusive, que seu melhor amigo precise fazer esse tratamento pelo resto da vida.

Não existe prevenção para casos de hipotireoidismo, mas visitas regulares ao seu veterinário facilitam a detecção e o tratamento precoce, com menos impactos à saúde e bem-estar do pet.

Com o seu cuidado e com o tratamento adequado, seu amigão poderá conviver bem com a doença, sem perder qualidade de vida, nem aquela alegria que ele costumava ter!

#hipotireodismocanino #endocrinovet #endocrinologiaveterinaria #amomeupet #cachorrosaudavel

R$5,50

Conheça também outros posts:

  • Lançamento

    Post 392

    Ler texto R$18,00 Comprar
  • Post 125

    Ler texto R$5,50 Comprar
  • Post 220

    Ler texto R$5,50 Comprar
  • Post 282

    Ler texto R$5,50 Comprar

O que vou receber ao fazer uma compra?

Cada um dos posts inclui:

1. Arte com imagem em alta resolução, personalizada com seu nome e seus dados. A arte final não conterá a marca d’água, nem qualquer referência ao PetPosts.

2. Texto/Descrição, com informações confiáveis, de alta qualidade e fácil leitura. Conteúdo profissional, com um toque divertido sensível e inteligente, que vai encantar quem ama pets! Média de 300 palavras por texto. Você poderá editá-los, se desejar.

3. Hashtags relevantes, para você se destacar, mesmo para quem ainda não é seu seguidor. Você também poderá editar suas hashtags, se desejar.

Quando vou receber meus posts personalizados?

Após sua compra e confirmação do pagamento, nossa equipe entrará em contato com você para definir a personalização dos seus posts, em até 1 dia útil. Você poderá adicionar sua logomarca (veja as especificações) ou seu nome, CRMV e telefone. Definida a personalização, ela será aplicada a todos os posts comprados por você.

Você receberá, então, um e-mail com todos os posts personalizados, seus respectivos textos e hashtags. Pronto! Você poderá postar nas redes sociais que desejar. Veja este vídeo, que explica como passo a passo como fazer as postagens.

Lembre-se de postar com a maior frequência possível! Isto gera maior sua visibilidade, aumenta o número de potenciais seguidores e favorece o engajamento deles com seu conteúdo!

//